22 de outubro de 2011

O Caso Rivotril


O medicamento mais eficaz para a paralisia do sono é o Rivotril, mas existe um problema com este medicamento - tal como existe com todos - que são os efeitos secundários: apatia, diminuição acentuada da vitalidade, etc. Nem todos os seres humanos são iguais, sabemos que algumas pessoas são mais fracas que outras, e por isso recomendo o Rivotril apenas aos que não conseguem lidar com as alucinações; aos demais, não recomendo a utilização deste medicamento.

Eu, por exemplo, sofro de paralisia do sono há vários anos e nunca tomei qualquer medicamento para acabar com o distúrbio. Prefiro passar por estes episódios do que "poluir" o meu organismo. As alucinações são normais, elas não matam nem possuem existência objetiva...

Um utilizador, Normando Amazonas, comentou no Relato de Manuel Antão sobre esse problema. Normando disse, e muito bem, o seguinte: "Remédios são drogas, que trazem efeitos físicos e psíquicos que não são naturais ao seu corpo, por isso sempre evite ao máximo. Está com gripe, deixa passar; febre, vai tomar banho. Resolva com chás as coisas."

Para mais informações sobre o Rivotril visite o seguinte link: Psicosite.

1 comentário:

  1. o melhor tratamento q encontrei para vários distúrbios do sono foi a PNL! hoje durmo como um bebê!!!

    ResponderEliminar